Ambliopia

ambliopia

A Ambliopia é o nome dado ao olho preguiçoso, bastante comum em crianças.

A Ambliopia é uma doença que provoca queda ou redução da visão, sem que o olho apresente qualquer sinal de disfunção ou anomalia mecânica. em suas estruturas.

A doença é consequência do desenvolvimento deficitário do Sistema Visual, no período em que o Sistema Nervoso Central está em maturação – fase que se estende até o sétimo ano de vida. A perda da visão associada à Ambliopia nem sempre apresenta algum tipo de lesão ou dano orgânico aos tecidos oculares.

A baixa qualidade de visão da criança que apresenta Ambliopia acontece porque a visão foveal, recebida no ponto central da retina, apresenta desenvolvimento incompleto. Por isso, é comum notar que os pacientes apresentem pouca visão frontal, enquanto a visão periféria se mantém intacta, preservando o campo visual.

A Ambliopia pode ser subdividida em quatro tipos, dependendo da causa:

Ambliopia por Estrabismo

O Estrabismo é a desarmonia entre os eixos paralelos dos dois olhos, que faz com que os olhos se posicionem de maneiras diferentes.

Quando o Estrabismo se apresenta constante, o olho com maior distorção de eixo é sobreposto pelo olho com menor eixo, reduzindo a qualidade da visão. Quando o estrabismo é intermitente, não há deficiência visual grave.

Ambliopia por Ametropia

Ocorre quando o paciente apresenta algum erro de fração significativo (Miopia, Astigmatismo ou Hipermetropia) que não é corrigido. Quando os dois olhos, a visão fica desfocada, impedindo a formação de imagens nítidas.

Ambliopia por Anisometropia

Erros de refração (Miopia, Astigmatismo ou Hipermetropia) podem ocorrer nos dois olhos de formas diferente, gerando uma diferença de graus de correção entre eles.

Quando a diferença entre os olhos é superior a 2 graus, os olhos são forçados de maneiras diferenciadas, criando uma interação binocular anormal. Esta diferença faz com que o olho com maior grau seja suprimido pelo olho com menor grau, levando à Ambliopia.

Ambliopia por Exanopsia (ou Privação)

Ocorre quando há alguma barreira que impede a chegada da luz à retina de forma correta, o que provoca queda da qualidade da visão.

Estas barreiras podem ser cicatrizes corneanas, Catarata Congênita, Ptose Palpebral, opacidade vítrea, entre outras.

Nós, do Instituto de Olhos do Vale, estamos ao seu lado neste momento. Agende uma consulta com o oftalmologista em Guaratinguetá- SP, e comece a tratar os problemas de visão de maneira adequada.

Quer saber mais sobre as doenças oculares? Acesse a Área de Atendimento e entre em contato conosco. Se preferir, ligue (12) 3211-9010